Crises de Ansiedade

Sempre fiz terapia, acho que por uns 8/9 anos e sempre foi aquela abordagem que você só fala e fala e fala, que me ajudavam um pouco mas não resolvia. Com isso eu acabei desistindo de ir em psicólogos. Até que em 2020, devido a muitas crises de ansiedade, síndrome do pânico e muitos medos excessivos que acabavam me prendendo, uma amiga minha me indicou a Monica, que tem uma abordagem diferente, o EMDR, e eu acabei indo mas sem muita expectativas. E olha, foi ótimo, esse método me ajudou muito, foi o que senti ser mais eficaz pra mim. Antes eu acordava todo santo dia com crise de ansiedade, ia dormir com crise e tudo mais, eram frequentes demais e eu precisava de remédios para me ajudar a controlar. Hoje, não tomo mais nenhum tipo de medicação, as crises e síndromes do pânico diminuíram muito, é raro eu ter e caso eu tenha, eu já sei controlar e ela não vira algo enorme. Vários medos sumiram, e outros diminuíram muito do que era antes. Muitas coisas que me prendiam antes e eu não fazia de jeito nenhum, hoje faço tranquilamente.

Crise de ansiedade e falta de confiança

Fúria, medo, insegurança, impaciente, sem auto confiança…
Eu tinha muitas crises de ansiedade e a fúria era um dos problemas que eu não conseguia controlar. Um belo dia resolvo buscar ajuda profissional, eu e minha esposa
descobrimos a Mônica e ela tinha um método diferente, e que até então eu não conhecia.
Já nas primeiras sessões já pude perceber um grande alívio, tanto no dia a dia, na vida profissional e familiar.
Hoje posso dizer que a terapia EMDR foi essencial para a forma que lido com as situações, de forma mais clara e controlada.
Torço e indico para que mais pessoas como eu descubram esse caminho e possam através da Mônica e do EMDR ter uma vida plena e mais feliz.

Luto e abuso sexual

Quando comecei a fazer terapia eu estava passando por uma fase da minha vida muito difícil sofrimento desde abuso sexual até a perda de um filho lindo e querido vou amá-lo sempre.Mas quando conheci a Monica foram anos totalmente mas leves comecei a ver a vida e as pessoas de outra forma.
Foram anos de muitos sofrimento mas a terapia me aliviou essa carga e me tornei uma pessoa mais confiante e hoje eu me sinto bem melhor já consigo superar os meus problemas de uma outra forma me sinto leve e aquelas angústia pertencem ao passado não mas a mim….

Transtorno de ansiedade generalizada. –

Transtorno de ansiedade generalizada. – TAG

Encontrei a psicóloga Monica em julho/2019 na internet onde ela explicava sobre EMDR, eu estava passando por uma crise de ansiedade generalizada e já não sabia mais o que fazer.
Essa técnica EMDR foi o divisor de águas na minha vida.
Senti o resultado da terapia a cada sessão.
Tinha muito pavor de lagartixa ( trauma de infância)
não podia ver nenhum bichinho que tivesse o mesmo formato.
Hoje já acho um calango bonitinho.. rsrsrrs
Abro a porta da lixeira onde elas moram, sem pular para trás e percebo que elas tem mais medo de mim do que eu delas.
Hoje me sinto em equilíbrio.
Obrigada Mônica pelo seu trabalho

Abuso sexual e emocional

Sofri abuso sexual na infância, maus tratos, agressões física e psicologica dentro da própria família.
Tinha um sentimento profundo de abandono e nenhum de pertencer. Fiz terapia convencional por vários anos, o que me ajudou, mas percebia que precisava de algo mais, algo que fosse mais a fundo do meu problema e que já era hora de começar a viver de verdade, afinal de contas não era mais tão jovem, mas que infelizmente já estava desistindo da vida.
Sou uma sobrevivente do narcisismo desde a infância. Sabia que havia algo de muito errado no relacionamento familiar mas não havia identificado.
Foi somente quando comecei minha terapia de EMDR com a Mônica Menequelli que consegui identificar os traumas que havia ocorrido na infância e os relacionamentos abusivos que ainda tinha, por ser permissiva por causa dos traumas sofridos.
Desde então, descobri que estou viva, estou me ressignificando. Sou hoje minha melhor versão.
Há muito tempo descobri o meu valor, o quanto sou especial, mas o sentimento de abandono não me permitia colocar limites nós relacionamentos abusivos.
A terapia com o EMDR foi o divisor de águas pra mim.
Sou grata a Deus por ter mostrado o caminho, pela oportunidade de chegar onde cheguei. Sou uma pessoa bem melhor hoje.
Sou grata também a Mônica por ter sido meu suporte em minha jornada.

Ansiedade

Quando iniciei o tratamento me sentia muito mal, com crises de ansiedade e depressão recorrentes e inúmeros pensamentos ruins. Logo na primeira sessão já senti firmeza e coerência na forma que a Mônica conduzia a terapia. Ao passar do tempo, fui me sentindo cada vez melhor e mais confiante de que poderia um dia, caminhar com as minhas próprias pernas. A doutora foi excelente, precisa e autêntica. A cada sessão, eu me sentia mais forte e com mais vontade de ficar bem.

Pânico e Compulsão alimentar

Pânico
Comecei a fazer terapia com a Mônica em outubro/2019, Eu a descobri através de uma colega de trabalho, pois eu estava relatando que precisava fazer terapias, mas não queria essas “comuns” no qual a gente vai e só fica falando falando, aí comentei que a um tempo atrás tinha feito duas sessões, em Paranavaí, com um psicóloga que usava “uma antena” foi então que essa colega disse que a Mônica trabalhava de forma diferente e resolvi ir atrás.
Ao iniciar, relatei diversos traumas como o sangue que passo mal, dói o estômago ao ver um machucado, o medo da água, lugar fechado e também a vontade de comer “mastigar” constante. Parecia que isso aliviava minha ansiedade.
Hoje um ano e três meses após o início do tratamento, pude perceber que tive muita melhora. Já consigo ficar em lugar fechado que não me falta o ar, passei por problemas de doenças na família e também não fiquei sufocada, como eu me sentia antes, quando tinha uma situação grave com familiares próximos. Já consegui entrar em uma cascata em um parque aquático. Mas uma das coisas que mais me impressionou foi a questão da comida, pois através das terapias, consegui mudar um bom tanto dos hábitos alimentares.
Começamos o tratamento para compulsão alimentícia final de agosto, começo de setembro, e minha irmã um tempo antes havia criado um grupo no whatsApp para tentarmos mudar nossa alimentação e eliminarmos peso, mas eu não estava seguindo muito. Então, a partir do dia 04/09/2020 que resolvi colocar o peso real na balança e dar início a uma mudança na alimentação. Como já disse, já tinha tentado mudar, mas não conseguia e com a ajuda das terapias isso se tornou mais fácil, tanto que consegui eliminar 6kgs em apenas 3 meses. Sem dizer que antes, eu via uma receita de comida “gorda” doces, bolos, eu já salvava para fazer, agora quando começo a ver uma receita e percebo que não é “fit”, já não me interessa.
Estou muito feliz com o resultado das terapias, tem me ajudado muito.
E gosto tanto do trabalho e comprometimento da Mônica, que sempre a indico.

Eu sempre tive um certo

Eu sempre tive um certo preconceito quando o assunto era psicologia, achava desnecessário sentar e contar seus problemas pra alguém que não te conhece e que ao meu ver, errôneo e distorcido por sinal, pouco iria fazer. É de coração aberto que digo que pensava que iam me dizer coisas que eu já sabia e eu ia sair do mesmo jeito que entrei. E pelo andar da conversa, você que está lendo esse depoimento já imagina que o rumo dessa prosa vai mudar é?!
Infelizmente eu e a maioria das pessoas não são educadas a entender que o cuidado emocional é tão importante quanto o físico. E, com essa mentalidade vamos vivendo a nossa vida, de forma impetuosa e desenfreada, carregando nos ombros todos os nossos traumas, todas as nossas angústias, tudo que está mal resolvido dentro da gente….
Porém, isso uma hora ou outra acaba pesando não é mesmo?!
E isso aconteceu comigo na pandemia! Ai você deve estar pensando: com você e quase 100% da população mundial né linda?! hahaha não! eu não sou o alecrim dourado que nasceu no campo, mas estou aqui para contar a minha experiência: eu jamais na vida pensei que sentiria a cura de um trauma, jamais imaginei que a terapia seria um divisor de águas tão grande na minha vida.
A Mônica me pegou no meu momento mais frágil, mais ferido, mais solitário e com todo amor e cuidado me resgatou do fundo do poço em que me encontrava emocionalmente.
Eu lembro até hoje do que eu disse na mensagem que enviei pra ela: “eu tenho vontade de me jogar desse prédio”… e mais ainda do final da conversa onde ela disse: “eu vou te ajudar”
E ajudou mesmo!
Já passamos por um longo processo, de eu chorar compulsivamente de soluçar, após uma sessão de EMDR, de eu não conseguir respirar de tanta ansiedade, de achar que ela estava perdendo o tempo dela, que eu não tinha solução, nossa tanta coisa….
Eu sei que estamos no meio do caminho (são muitos traumas, rs) que é um processo longo, que precisa muita mansidão e força pra passar, mas o que eu tenho total confiança em dizer é que: a Mônica é instrumento nas mãos de Deus pra ouvir, pra acolher e para curar!

Minha gratidão por você será eterna!

Depressão

Estava a procura de um terapeuta pela internet,encontrei o site da Dr Mônica,logo marquei uma sessão com ela .Estava com depressão,muito medo,muito choro precisava urgente de uma terapia,ela me indicou o EMDR ,descobri os motivos pelo qual eu chorava muito,e porque dos meus medos e traumas,e fatos que aconteceu no meu passado,cheguei na primeira sessão muito ruim,e conforme fui fazendo as sessões fui melhorando,e estou muito bem,até a minha fisionomia melhorou,estou super leve . Agradeço DR Mônica por ter me ajudado tanto,e com muito carinho.

Fobia

Eu já fazia terapia há um bom tempo com uma colega da Mônica, e não achava que o meu medo de cachorro fosse algo que me atrapalhasse, eu já havia me acostumado com isso. Mas, ao longo das minhas sessões de terapia, minha psicóloga notou que esse medo estava me atrapalhando e me indicou a Mônica, por trabalhar com o EMDR e eu fui. Ao longo do meu tratamento fui me deparando com traumas, lembranças, angústias que estavam por trás desse medo e eu nem imaginava. E foi tratando tudo isso que eu consegui perder o meu medo de cachorro, que já estava me impedindo de sair de casa sozinha e me paralisando. A primeira vez que eu consegui pegar um cachorro no colo depois de um tempo de tratamento, foi um dos dias mais emocionantes pra mim! Hoje consigo sair de casa sozinha, consigo ficar perto de cachorros tranquilamente, graças ao EMDR e a competência, dedicação e o encorajamento da Mônica! Muitas vezes pensei em desistir do tratamento, ia pra sessão pensando que seria meu último dia ali, mas ela sempre me encorajava a continuar, a não desistir mesmo sendo muito sofrido as vezes, porque a gratificação de ser sua vida transformada é muito maior! Obrigada, Mônica, por ter transformado a minha vida, por ter sido uma peça fundamental na cura dos meus traumas e me ajudar a ter uma vida muito melhor agora!