Pânico e Compulsão alimentar

Pânico
Comecei a fazer terapia com a Mônica em outubro/2019, Eu a descobri através de uma colega de trabalho, pois eu estava relatando que precisava fazer terapias, mas não queria essas “comuns” no qual a gente vai e só fica falando falando, aí comentei que a um tempo atrás tinha feito duas sessões, em Paranavaí, com um psicóloga que usava “uma antena” foi então que essa colega disse que a Mônica trabalhava de forma diferente e resolvi ir atrás.
Ao iniciar, relatei diversos traumas como o sangue que passo mal, dói o estômago ao ver um machucado, o medo da água, lugar fechado e também a vontade de comer “mastigar” constante. Parecia que isso aliviava minha ansiedade.
Hoje um ano e três meses após o início do tratamento, pude perceber que tive muita melhora. Já consigo ficar em lugar fechado que não me falta o ar, passei por problemas de doenças na família e também não fiquei sufocada, como eu me sentia antes, quando tinha uma situação grave com familiares próximos. Já consegui entrar em uma cascata em um parque aquático. Mas uma das coisas que mais me impressionou foi a questão da comida, pois através das terapias, consegui mudar um bom tanto dos hábitos alimentares.
Começamos o tratamento para compulsão alimentícia final de agosto, começo de setembro, e minha irmã um tempo antes havia criado um grupo no whatsApp para tentarmos mudar nossa alimentação e eliminarmos peso, mas eu não estava seguindo muito. Então, a partir do dia 04/09/2020 que resolvi colocar o peso real na balança e dar início a uma mudança na alimentação. Como já disse, já tinha tentado mudar, mas não conseguia e com a ajuda das terapias isso se tornou mais fácil, tanto que consegui eliminar 6kgs em apenas 3 meses. Sem dizer que antes, eu via uma receita de comida “gorda” doces, bolos, eu já salvava para fazer, agora quando começo a ver uma receita e percebo que não é “fit”, já não me interessa.
Estou muito feliz com o resultado das terapias, tem me ajudado muito.
E gosto tanto do trabalho e comprometimento da Mônica, que sempre a indico.

Posted in .

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *